Buscar

La Niña ameaça piorar secas!




(Bloomberg) -- O fenômeno climático La Niña parece ter chegado ao Pacífico equatorial, preparando o terreno para o agravamento das secas na Califórnia e na América do Sul, inverno rigoroso em áreas dos Estados Unidos e Japão e maiores riscos para os já limitados suprimentos de energia e alimentos do mundo.


Brian K. Sullivan qui., 14 de outubro de 2021 3:05 PM·2 minuto de leitura

1 / 2 La Niña ameaça piorar secas e agitar mercados

(Bloomberg) -- O fenômeno climático La Niña parece ter chegado ao Pacífico equatorial, preparando o terreno para o agravamento das secas na Califórnia e na América do Sul, inverno rigoroso em áreas dos Estados Unidos e Japão e maiores riscos para os já limitados suprimentos de energia e alimentos do mundo.

O fenômeno - que começa quando a atmosfera reage a uma zona mais fria de água sobre o Oceano Pacífico - deve durar pelo menos até fevereiro, disse o Centro de Previsão do Clima dos Estados Unidos na quinta-feira. Há 57% de chance de ser um evento moderado, como o que começou no ano passado, disse o centro. Embora cientistas possam precisar de meses para confirmar se o La Niña retornou definitivamente, todos os sinais indicam que já chegou. “Estamos vendo tudo o que queremos ver em um La Niña”, disse Michelle L’Heureux, meteorologista do centro, em entrevista. “Estamos bastante confiantes de que o La Niña está aqui.”


Veja matéria completa: https://br.financas.yahoo.com/news/la-ni%c3%b1a-amea%c3%a7a-piorar-secas-180549415.html

1 visualização0 comentário